Caso Geane, adolescente assassinada e queimada em Mossoró. Mais um acusado do crime vai a julgamento popular

0

Mais um acusado de ter participado do assassinato da adolescente Geane de Melo Nogueira, à época com 12 anos, crime ocorrido em novembro de 2018 nas Malvinas em Mossoró, senta no banco dos réus para ser julgado pela sociedade mossoroense.

Gedean Zacarias de Souza, de 23 anos, será julgado nesta quarta feira 15 de dezembro em sessão do Tribunal do Juri Popular de Mossoró, que acontecerá a partir das 08h00min no Forum Municipal Silveira Martins sede do judiciário.

A dolescente Geane de Melo Nogueira foi raptada de dentro de casa no dia 4 de novembro de 2018 e dois dias depois o corpo dela foi encontrado queimado em uma região de mata no Conjunto Malvinas onde morava com os pais.

Segundo a denúncia do MPRN, a morte da menina foi motivada por vingança. Os criminosos mataram a adolescente em retaliação a morte do bebê,  Anthony Calleb, de 1 ano e 7 meses, morto a tiros quando os irmãos de Geane tentavam matar o pai do menino, Francisco Iranilson Bezerra da Silva.

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), será representado pelo promotor de justiça Armando Lúcio Ribeira, que  irá pedir a condenação do réu por homicídio, com três qualificadoras: motivo torpe (vingança), emprego de meio cruel e recursos que dificultaram a defesa da vítima. O advogado Stênio Alves da Silva vai defender o réu e tentar provar sua inocência.

Vale lembrar que outras três pessoas envolvidas no caso que teve repercussão em todo o estado, já foram julgadas e condenadas, a pena de mais de 80 anos de prisão são eles: Danilo Souza de LucenaFábio David da Silva Aquino, e Maria Luisa de Moura Diogenes. O Juiz Vagnos Kelly Figueiredo de Medeiros, vai presidir a sessão de julgamento do TJP. (Fim da Linha)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui