Lei de autoria do vereador Paulinho Freire destina recursos para apoio à cultura natalense

0

Diante do cancelamento de festas juninas, do adiamento de outras festas populares e das incertezas que vive o setor cultural no período de pandemia causada pelo coronavírus, diversos artistas de Natal foram prejudicados e até perderam suas fontes de renda, já que não podiam fazer suas apresentações ao público. Para mimimizar as dificuldades enfrentadas pela classe artística natalense, foi publicada nesta sexta-feira (2), no Diário Oficial do Município, a Lei Nº 7.077/2020, de autoria do vereador Paulinho Freire (PDT).

De acordo com a Lei sancionada pelo prefeito Álvaro Dias, o Poder Executivo fica autorizado a remanejar até 10% do valor previsto na dotação orçamentária para apoio às festas tradicionais e festejos populares do município de Natal do orçamento da Fundação Cultural Capitania das Artes (Funcarte), o que corresponde a até R$ 2.147.000,00.

Enquanto perdurar os efeitos da pandemia, os recursos serão destinados ao desenvolvimento de ações e políticas públicas voltadas para o fortalecimento da cultura e apoio aos artistas locais, através de apresentações dos artistas de Natal realizadas de forma remota. A Lei vai beneficiar profissionais como músicos, roadies, técnicos de palco, vídeo, áudio, iluminação, programadores de mesa, operadores de áudio, vídeo, luz e imagem, artistas circenses e da cultura popular, entre outros.

“A classe artística foi muito prejudicada pela pandemia e vive momentos de incertezas. São famílias inteiras que perderam suas rendas e estão sofrendo. Essa Lei de autoria do nosso mandato valoriza os artistas da terra, e através dela, queremos continuar nosso trabalho de fortalecer e apoiar a cultura local porque esses natalenses precisam demais desse olhar. Agradeço à sensibilidade do Poder Executivo em sancionar uma iniciativa importante e de grande valor para a nossa classe artística. Estou muito feliz em poder contribuir ”, ressaltou Paulinho Freire

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui