Nova pesquisa mostra Lula e Bolsonaro isolados na disputa ao Planalto

0

A nova rodada da pesquisa Ipespe mostra que Lula e Jair Bolsonaro ampliaram sua vantagem em relação aos demais postulantes ao Planalto. Lula oscilou 1 ponto em relação à pesquisa do início de abril, atingindo 45% das intenções no primeiro turno, maior percentual registrado desde o início da série.

Seu principal concorrente, Bolsonaro também oscilou um ponto para mais, indo de 30% para 31%. A melhora é acompanhada pela tendência de crescimento na avaliação positiva de sua administração, que também avançou um ponto em relação ao início de abril e atingiu 30%, maior indicador desde março de 2021. A distância de Lula sobre Bolsonaro permanece em 14 pontos.

Na sequência dos dois, Ciro Gomes recuou de 9% para 8%, João Doria manteve 3%, André Janones passou de 1% para 2% e Simone Tebet registrou os mesmos 2% do início do mês. As oscilações positivas retiraram votos do grupo de indecisos, nulos e brancos, que passaram de 12% para 9%.

Foram realizadas 1.000 entrevistas de abrangência nacional, nos dias 18, 19 e 20 de abril. A pesquisa está registrada no TSE sob o número BR-05747/2022. A margem de erro máxima é de 3,2 pontos percentuais.

Na pesquisa espontânea, quando o eleitor não recebe a lista de candidatos, tanto Lula quanto Bolsonaro avançaram na margem: Lula passou de 36% para 38%, e Bolsonaro, de 27% para 28%, ampliando a distância de 19 para 20 pontos.

Na simulação de segundo turno, a distância de Lula para Bolsonaro permanece a mesma, de 20 pontos, agora com placar de 54% a 24%, um ponto a mais para cada um.

Veja

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui