Polícia Civil deflagra 17ª fase da Operação Parabellum

0

Policiais civis da Delegacia Municipal de Macaíba deram continuidade, nesta quarta-feira (28), à 17ª fase da Operação Parabellum, que visa desarticular a ação de organizações criminosas na cidade de Macaíba, com atuações proativas e reativas no combate aos crimes pelos integrantes de facções cometidos.

A ação aconteceu no bairro Cidade de Deus, em Macaíba, e teve como objetivo a prisão de Marcos Antonio da Silva, conhecido como “Orangotango”, 21 anos. Ele é suspeito de ser o chefe de uma facção criminosa e identificado como autor de um crime de latrocínio ocorrido em abril de 2020, na Zona Rural de Macaíba.

As diligências foram iniciadas após o recebimento de denúncias anônimas sobre a localização de Marcos Antonio, que estaria em posse de uma arma de fogo. As equipes se deslocaram ao endereço informado e constataram a veracidade da informação. Na ocasião, o suspeito percebeu a chegada da equipe e efetuou diversos disparos contra os policiais. No confronto, ele foi atingido por disparos de arma de fogo e socorrido à Unidade de Pronto Atendimento (UPA), porém não resistiu e foi a óbito.

Marcos Antonio estava em posse de um revólver calibre 38, utilizado no ataque contra os policiais, 42 munições calibre 38 e cinco munições deflagradas calibre 38. A operação foi coordenada e executada pela equipe da Delegacia de Macaíba, com apoio da Força Tarefa do Ministério da Justiça (FT NUDEM Mossoró/RN – SEOPI).  A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181 ou pelo número da Delegacia Municipal de Macaíba: 98114-4042.

Operação “Parabellum”

O nome da operação remete ao provérbio latino “si vis pacem, parabellum”, que significa “se quer paz, prepare-se para a guerra”, tendo em vista as diversas ações policiais de combate às facções criminosas que têm atuado na cidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui