Polícia Civil prende suspeito por latrocínio em Parazinho

0

Policiais civis da 10ª Delegacia Regional de Polícia (DRP) de João Câmara, junto à 85ª Delegacia de Polícia (Jandaíra e Parazinho), deram cumprimento, na manhã desta terça-feira (14), a um mandado de prisão preventiva em desfavor de Matheus Tavares da Silva Torres, 20 anos. Ele, que foi preso no município de Parazinho, é investigado pela suspeita da prática do crime de latrocínio, ocorrido em janeiro de 2020 no distrito de Queimadas, localizado em João Câmara, que resultou na morte de Francisca Eliene de Souza.

O mandado foi expedido pela 1ª Vara da Comarca de João Câmara, do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN). Matheus Tavares foi conduzido até a delegacia e encaminhado ao sistema prisional, onde permanecerá à disposição da Justiça.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações, de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui