Idosa é presa após chamar jovem de “macaco preto” e “macaco seboso” na zona Oeste de Natal

Uma idosa de 64 anos foi presa após cometer crime de injúria racial contra um jovem de 18 anos. O caso aconteceu no bairro Planalto, na zona Oeste de Natal, nessa terça-feira (31). A vítima, identificada como Felipe Santiago, acionou a polícia.

Segundo o jovem, a confusão começou após ele defender a mãe de piadas de mau gosto feitas pelo esposo da idosa presa. “O esposo dela tem o costume de tirar piadinhas com a minha mãe, ela é solteira. Ele estava descendo na mesma rua que eu. Eu simplesmente cheguei como um homem, como um filho, eu não gostei da situação que vinha comentando comigo. Eu pedi: ‘mais respeito pela minha mãe’. Falei desse jeito”, contou.

Durante a conversa com o homem, a idosa apareceu e começou a proferir as injúrias raciais. “Então, a idosa apareceu e tomou as dores dele. Viu que estava tendo uma confusão e começou a me julgar do nada. Tem seis testemunhas para falar isso. Ela começou a me chamar de ‘macaco preto’, ‘macaco seboso’, disse que eu era um lixo. Isso magoa”, detalhou.

Leia mais