Urgente: Polícia Federal cumpre mandados no RN, PB e PE em operação de combate ao tráfico de drogas e lavagem de dinheiro

0

Uma operação deflagrada pela Polícia Federal na manhã desta terça-feira (19) cumpre 13 mandados de prisão e outros 22 de busca e apreensão contra um grupo criminoso suspeito de tráfico interestadual de drogas no Rio Grande do Norte, Paraíba e Pernambuco.

A Operação Veios é conduzida em parceria com a Polícia Civil, a Polícia Militar e a Força-Tarefa de Segurança Pública e cumpre os mandados expedidos pela Justiça do Rio Grande do Norte.

De acordo com a Polícia Federal, a investigação iniciada no fim de 2021 tem o objetivo desarticular uma organização criminosa especializada no tráfico interestadual de drogas e lavagem de dinheiro que atuava principalmente na região metropolitana de Natal, utilizando como base o bairro de Mãe Luíza, na Zona Leste da capital potiguar.

Segundo a corporação, foram identificadas as principais lideranças da facção criminosa que domina o tráfico de entorpecentes e de armas na comunidade, contando com pontos de armazenamento e comércio de drogas, bem como a criação de uma rede estruturada de pessoas voltadas ao crime.

“Os principais líderes do grupo eram faccionados. Eles recebiam droga de fornecedores de outros estados e distribuíam o entorpecente aqui em Natal“, afirmou o delegado Mateus Arcas Lopes dos Santos, chefe do setor de Inteligência da PF no RN.

De acordo com ele, do total de 35 mandados determinados pela Justiça, 17 foram cumpridos no Rio Grande do Norte, 16 na Paraíba e dois em Pernambuco. Além dos chefes do grupo, também são investigados fornecedores e distribuidores de drogas.

Ainda segundo a PF, a cúpula da organização criminosa, estava instalada em João Pessoa, e adquiriu na Paraíba e no Rio Grande do Norte diversos bens móveis e imóveis com os lucros obtidos através do crime.

Os presos na operação devem responder pelos crimes de integrar organização criminosa, tráfico de drogas e lavagem de dinheiro, dentre outros em apuração.

Operação Veios

O nome da operação, segundo a PF, é uma alusão à “Batalha de Veios”, na qual o Exército Romano realizou um cerco à cidade etrusca de Veios, com estratégias bem-sucedidas, que levaram Roma a vitória e conquista do território. (G1RN)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui